Quem Somos

Conheça a Ong DCM

Doações

Saiba como fazer a sua doação

Seja um Voluntário!

Saiba como se tornar um voluntário

segunda-feira, 18 de março de 2013

ONG DCM participa da Hora do Planeta. Participe você também!



APAGUE AS LUZES NO SÁBADO, 23 DE MARÇO DE 2013, ÀS 20H30

No dia 23 de março, às 20h30, apague as luzes da sua empresa durante sessenta minutos, incluindo letreiros e outdoors. Em grandes empresas, talvez seja necessário avaliar a logística e apagar as luzes não essenciais dentro e no entorno da sua propriedade.



quinta-feira, 14 de março de 2013

Governo quer humanizar atendimento às vítimas de violência sexual



Mulheres que sofrem agressão sexual poderão fazer coleta de vestígios do crime em hospitais especializados do Sistema Único de Saúde (SUS), dispensando a exigência atual de se dirigir a um instituto médico-legal (IML). Essa é uma das medidas instituídas pelo Decreto 7.958, publicado hoje (14) no Diário Oficial da União, que estabelece diretrizes para o atendimento das vítimas de violência sexual.

A iniciativa vai desburocratizar e humanizar o atendimento, agilizando a emissão de laudos periciais, ao integrar o atendimento às vitimas de violência sexual feito por profissionais da segurança pública e do SUS. O decreto foi assinado ontem (13) pela presidenta Dilma Rousseff, no lançamento do Programa Mulher, Viver sem Violência.

O objetivo é que a mulher não tenha que expor a sua intimidade duas vezes, podendo fazer tanto o tratamento das lesões quanto a coleta dos indícios em um só lugar, reduzindo o constrangimento da vítima. O conjunto de ações será dos ministérios da Justiça e da Saúde, com apoio da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) da Presidência da República.

Segundo a assessoria do Ministério da Saúde, a vítima poderá se dirigir diretamente a uma unidade do SUS, onde a coleta das provas como sêmen, pele sob as unhas e sangue do agressor será feita. Após isso, o próprio SUS encaminhará as provas ao IML, onde o médico legista fará o laudo técnico. Esses profissionais também passarão por um curso de humanização de atendimento às vítimas.

Segundo a ministra da SPM, Eleonora Menicucci, “os vestígios do estupro serão coletados e armazenados nas cadeias de custódia, instaladas nos 85 hospitais de referência ou nas unidades básicas de Saúde”. As cadeias de custódia se referem às instalações de salas-cofre e geladeiras especiais em ambientes seguros dos hospitais e unidades de saúde para guardar as coletas, que são provas criminais.

A iniciativa faz parte do Programa Mulher, Viver sem Violência, lançado ontem pelo governo, que também prevê a construção de centros chamados Casa da Mulher Brasileira em todas as 27 capitais brasileiras. Para a coleta de vestígios de agressões sexuais, o Ministério da Saúde investirá R$ 13,1 milhões e o da Justiça, R$ 6,9 milhões. O sistema também será preparado para o atendimento de crianças e adolescentes vítimas de violência.

NOTA - ONG DCM parabeniza o Setor Legislativo pela aprovação da criação da Procuradoria Especial da Mulher, em Praia Grande


Fonte: ONG DCM, com informações da Câmara Municipal de Praia Grande

A ONG DCM parabeniza a iniciativa da vereadora Janaína Ballaris. A ONG DCM luta há mais de 7 anos, em Praia Grande, para que a mulher seja vista como cidadã, em defesa da Violência Doméstica. 

É de extrema importância que o Poder Público abrace esta causa e, não somente o Terceiro Setor. Nossa luta e nossa causa fora ouvida. 

Agradecemos e convidamos que nossa vereadora Janaína Ballaris venha a fortalecer cada vez mais esta luta, que deve surgir da parceria do Primeiro e Terceiro Setor e engajada também no Segundo Setor para que exista apoio para modificar este terrível problema cultural, que é a Violência Doméstica. 

A presidente da ONG DCM já havia enviado uma proposta à última Conferência de Direitos Humanos, em São Paulo para a criação do Centro de Referência da Mulher, assim como a sugestão de uma Casa Abrigo e delegacia 24 horas, de segunda a segunda.

Esperamos que o Poder Público e os representantes de nossa cidade percebam o problema que devemos enfrentar para que a mulher tenha uma vida mais digna. É o objetivo que a DCM deseja alcançar e luta a cada dia.


Confira matéria completa abaixo:


Câmara aprova criação da Procuradoria Especial da Mulher
Órgão irá receber denúncias e acompanhará programas sociais voltados ao público feminino

A Câmara Municipal de Praia Grande aprovou, em segunda discussão, durante a 6ª Sessão Ordinária, realizada na noite desta quarta-feira (13), o Projeto de Resolução nº 02/13, de autoria da vereadora Janaina Ballaris (PT), que cria a Procuradoria Especial da Mulher. O órgão terá o objetivo de ampliar a participação feminina no Poder Público, recebendo e encaminhando denúncias de discriminação e violência contra as mulheres, bem como acompanhando programas sociais e educativos voltados a este público no Município.

A plenária, presidida pelo vereador Sergio Luiz Schiano de Souza, o Serginho Sim (PSB), contou com a presença da deputada estadual, Telma de Souza (PT), que comanda a Procuradoria Especial da Mulher, na Assembleia Legislativa. Em nível estadual, o órgão foi criado no início de 2012 e atualmente está em fase de instalação.

Segundo a deputada, a procuradoria é uma forma do Poder Legislativo atuar no acolhimento da mulher vítima de violência. “Nosso objetivo é garantir apoio à mulher, que tem que fazer sua reclamação e tem vergonha de buscar retaguarda, acolhimento e aconchego. Não se trata de substituir delegacias ou abrigos. O que queremos é somar. Facilitando a triagem para que, essa mulher aconchegada, tenha a possibilidade de um mundo melhor”, explicou Telma.  

A vereadora Janaina destacou que o órgão vai atuar, no Município, em conjunto com a Administração. “Vamos somar esforços para ações que devem ser entendidas e executadas de forma integral e articuladas para uma cultura de paz e exercício de cidadania. Queremos auxiliar na criação de políticas públicas para a mulher. O resgate da autoestima da mulher em situação de violência requer compromisso social, político e pessoal, e este é o convite desafiador que estamos lançando ao criar esta procuradoria”, ressaltou.

Com aprovação da procuradoria, a vereadora já fez a primeira reivindicação ao prefeito. “Peço que estude a implantação de um Centro de Referencia da Mulher, para que possamos garantir o atendimento qualificado e humanizado de mulheres em situação de violência, por meio de formação continuada de agentes públicos e comunitários e ainda com a criação de serviços especializados também para reabilitação ao agressor”, enumerou Janaina.

A vereadora Tatiana Toschi Mendes, a Tati Toschi (PSD), aproveitou o clima da plenária e citou avanços conquistados para benefício das mulheres, como a instituição da Lei Maria da Penha e o direito à aposentadoria para as donas de casa. “Ações como estas protegem e melhoram a qualidade de vida mulher. Hoje em dia, as mulheres tem uma série de atribuições, são importantes para a sociedade, e por conta disso, merecem respeito e reconhecimento”, comentou.

Homenagem – Para encerrar o mês da mulher, a Câmara Municipal promove Sessão Solene na noite do próximo dia 22 de março, às 19 horas. Durante a solenidade, cada um dos 17 parlamentares irá enaltecer uma personalidade feminina do Município, com a entrega do Diploma Professora Graziela Diaz Sterque. O evento, em razão do Dia Internacional da Mulher, comemorado em 8 de Março, está previsto no Decreto Legislativo 06/2006.

sexta-feira, 8 de março de 2013

ONG DCM - HOMENAGEM - 8 de Março: Dia Internacional da Mulher


Convidamos todos a participarem na SEMANA DA MULHER, que tem início hoje (8/3).

quinta-feira, 7 de março de 2013

ONG DCM NA MÍDIA - Evento é matéria no Diário do Litoral desta terça-feira (5)


Fonte: Diário do Litoral - 5 de março


Semana da Mulher homenageia moradoras de Praia Grande

O evento, com o tema “As Faces de Eva” terá solenidade, missa e caminhada contra a violência


Na próxima sexta-feira (8), a Prefeitura, o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (COMDIM) e Organização Não-Governamental Defesa e Cidadania da Mulher (DCM) promovem a abertura da V Semana da Mulher. O evento, com o tema “As Faces de Eva”, acontece na Câmara Municipal, no Bairro Boqueirão, a partir das 19h30. Dia 10 (domingo) haverá missa e uma caminhada contra a violência.

Segundo a presidente da ONG DCM e do COMDIM, Ana Silvia Passberg Amorim, a novidade deste ano ficará por conta da distribuição de 2 mil cartilhas, que traz detalhes da Lei Maria da Penha. “É a primeira vez que entregamos a cartilha, que traz informações importantes. Hoje, por exemplo, qualquer um pode fazer a denúncia de agressão sofrida por uma mulher, sem se identificar. Antes, apenas a agredida podia denunciar a pessoa que a agrediu”, comentou.
Outro destaque do evento serão as homenagens que algumas mulheres receberão por terem marcado a história de Praia Grande. “Elas representarão a todas as pessoas do sexo feminino, que moram e trabalham na nossa Cidade e que, assim, ajudam o nosso Município crescer”, completou Ana Silvia.
Dia Internacional da Mulher – No dia 10 de março (domingo), a V Semana da Mulher terá uma programação especial, com a realização de Missa de Ação de Graças. Posteriormente, ocorre a 2ª Caminhada ao Combate à Violência Contra a Mulher. Os participantes sairão da Igreja Matriz de Santo Antônio e andarão pela Avenida Presidente Castelo Branco, até a Praça da Paz, localizada na Avenida São Paulo.
Para a caminhada está prevista a participação de 200 pessoas. “Essa será a segunda vez que faremos a caminhada. As pessoas que estiverem assistindo à missa, junto com o padre, irão até a Praça da Paz. No local, todos darão um abraço simbólico na praça para homenagear as mulheres. Convidamos os moradores para comparecer e fazer parte desse ato”, completou.
O evento acontece na Câmara Municipal, no Bairro Boqueirão (Foto: Divulgação)
O evento acontece na Câmara Municipal, no Bairro Boqueirão (Foto: Divulgação)

Confira abaixo a programação completa da V Semana da Mulher:
8 de março, sexta-feira
Evento - Abertura da V Semana da Mulher 2013
Horário – às 19h30
Local – Câmara Municipal de Praia Grande
Endereço – Praça Vital Muniz, nº 01, Bairro Boqueirão
9 de março, sábado
Evento – Workshop
Horário – das 9h30 às 14 horas
Local – Conviver Ocian
Endereço – Avenida Presidente Castelo Branco, Bairro Ocian, próximo a estátua de Netuno
10 de março, domingo (Dia Internacional da Mulher)
Evento – Missa de Ação de Graça e 2ª Caminhada ao Combate à Violência Contra a Mulher
Horário – 10 horas
Local – Paróquia Santo Antônio
Endereço – Avenida Presidente Castelo Branco, nº 1.598, Bairro Boqueirão
11 de março, segunda-feira
Evento – Palestra: Lei Maria da Penha, Direitos e Deveres (palestrantes: Rosemar Cardoso Fernandes, delegada na Delegacia de Defesa da Mulher)
Horário – das 17 às 18 horas
Local – E.M. Dorivaldo Francisco Loria
Endereço – Rua Maria Luiza Lavalle, nº 150, Bairro Sítio do Campo
12 de março, terça-feira
Evento – Palestra: Educação e Sexualidade
Horário – das 9h20 às 10h20
Local – E.M. Vila Mirim
Endereço – Rua 23 de Outubro, nº 116, Bairro Mirim
13 de março, quarta-feira
Evento – Combate ao Câncer Bucal/ Triagem
Horário – das 9h30 às 16 horas
Local – Delegacia da Mulher
Endereço – Avenida Dr. Roberto de Almeida Vinhas, nº 18.719, Bairro Tupi
14 de março, sábado
Evento – Combate ao Câncer Bucal/ Triagem
Horário – das 9h30 às 14 horas
Local – Paróquia Nossa Senhora das Graças
Endereço – Praça Roberto Andraus, nº 11, Bairro Ocian